top of page
  • Foto do escritorBrasil Cotidiano

Enfermeira lista 5 perigos que um vazamento de gás pode causar

Uma das principais razões para o escape de gás são infraestrutura antiga e falta de manutenção



Crédito: Divulgação


Nos últimos anos, explosões causadas por vazamentos de gás são uma preocupação crescente e um tipo de notícia recorrente. Mas por que esses incidentes são tão comuns? 

Uma das principais razões para a frequência de explosões por vazamento de gás são a infraestrutura antiga e a falta de manutenção adequada. Em muitas cidades, as redes de distribuição de gás foram instaladas há décadas e não passaram por atualizações significativas.


Tubulações antigas estão sujeitas a desgaste, corrosão e danos, aumentando o risco de vazamentos. Sem sensores adequados ou inspeções regulares, pequenos vazamentos podem passar despercebidos até que se tornem críticos.

 

Outro fator significativo é o erro humano e o comportamento de risco. A manipulação inadequada de equipamentos a gás, como fogões e aquecedores, pode resultar em vazamentos. Práticas de instalação e reparo por parte de profissionais não qualificados aumentam o risco de acidentes. 


Uma explosão de gás de cozinha representa, também, graves riscos para a saúde.  Andrezza Silvano Barreto, enfermeira da Vuelo Pharma, listou os cinco principais perigos. 


Inalação de fumaça e gases tóxicos


A combustão do gás de cozinha libera fumaça e gases tóxicos, como monóxido de carbono e dióxido de carbono. A inalação desses gases pode levar a intoxicações graves, asfixia e, em casos extremos, morte.


Trauma e ferimentos físicos


A explosão pode causar danos estruturais, resultando em destroços voando e desmoronamentos. Isso pode provocar ferimentos físicos graves, como fraturas, cortes profundos e lesões internas devido ao impacto.


Queimaduras


A explosão pode causar queimaduras severas em diferentes graus, dependendo da proximidade da pessoa do ponto de ignição. Queimaduras de primeiro, segundo e terceiro graus podem resultar em danos significativos à pele, tecidos subjacentes e até órgãos internos.


Em caso de queimaduras de segundo e terceiro graus, é essencial buscar atendimento médico imediato. “É crucial não estourar as bolhas que se formam na pele queimada, pois isso pode aumentar o risco de infecção. Se necessário, o rompimento das bolhas será realizado pelo profissional de saúde no ambiente hospitalar”, orienta a enfermeira da Vuelo.

Entre os curativos mais recomendados para esse tipo de lesão está a Membracel, uma membrana de celulose regeneradora que auxilia no tratamento de queimaduras de 2º grau. 

Sua aplicação promove a cicatrização rápida e uniforme da pele, reduzindo o tempo de recuperação e o risco de complicações. Além disso, alivia a dor já na primeira aplicação, proporcionando mais praticidade e conforto ao paciente.


“A Membracel cria uma barreira protetora que impede a entrada de agentes externos, prevenindo infecções e promovendo uma cicatrização mais segura e eficaz”, explica a enfermeira. 


Problemas respiratórios


A exposição ao calor intenso e à fumaça pode danificar as vias respiratórias, causando inflamação, dificuldade respiratória e, em casos graves, insuficiência respiratória.


Choque e trauma psicológico


A experiência de uma explosão pode causar trauma psicológico, resultando em ansiedade, estresse pós-traumático (TEPT) e outros distúrbios mentais. O impacto emocional pode ser duradouro, afetando a qualidade de vida das vítimas.



Como prevenir explosões de gás de cozinha? 


O ideal é que a mangueira tenha 4 milímetros de diâmetro e uma malha interna de fios de poliéster para garantir resistência, evitando furos e rachaduras. Além disso, deve possuir o selo do Inmetro e estar dentro da data de validade.

O botijão deve ser mantido em um local protegido, fora da cozinha, e nunca deve ser colocado de lado ou deitado no chão. Nem sempre um vazamento de gás é detectável pelo cheiro, por isso, antes de acender a luz ou ligar qualquer aparelho, abra as janelas ou portas para dissipar o gás que possa ter se acumulado durante a noite.



Por Assessoria de Imprensa

Comments


bottom of page